A arborização urbana é cada vez mais necessária para aumentar o conforto térmico nas cidades, trazer passarinhos e abelhas para mais perto das casas e auxiliar no combate ao aquecimento global.

Mas é preciso cuidado ao escolher as espécies que serão plantadas nas calçadas e novos empreendimentos imobiliários. Em Jundiaí, apenas a Prefeitura pode plantar, cortar ou podar árvores urbanas.

Em caso de problemas com árvores que estejam prejudicando casas ou calçadas, o interessado deve ligar para o telefone 156 da Prefeitura e explicar o problema.

Segundo o artigo 7º da Resolução SMA – 18, de 11 de abril de 2007, estabelece que “a supressão de árvores nativas isoladas, vivas ou mortas, em lotes dentro da Zona Urbana e fora de Áreas de Preservação Permanente, deverá ser emitida pelo órgão municipal competente”.

Saiba o que fazer

No caso da arborização urbana, qual a recomendação de plantio da Prefeitura?

O plantio deve ser realizado somente pela Prefeitura, por meio do Departamento de Parques, Jardins e Praças (DPJP) ou, no caso de novos loteamentos, após projeto aprovado pelo mesmo departamento, que deve atender as Diretrizes da Arborização e considerar sempre a largura da calçada, acessos às garagens, distâncias mínimas dos demais equipamentos urbanos e a espécie da planta.

Quando uma pessoa quer plantar uma árvore em frente de casa, por exemplo?

Deve formalizar o pedido através do canal 156 (ligação gratuita, indicando exatamente local de ação) e este serviço, se procedente, será realizado pela DPJP.

E quando a árvore plantada está causando problemas?

O pedido pode ser formalizado através do canal 156 (ligação gratuita, indicando exatamente local de ação). Tal pedido será primeiramente submetido à avaliação técnica quanto à necessidade ou não de realização.

Tipo plantar uma figueira de raízes muito fortes que afetam calçadas e muros. O que a pessoa pode fazer? 

Bem, provavelmente pode se tratar de plantio antigo onde, no passado, não afetava os demais usos daquele. Por isso, os plantios devem ser submetidos a aprovações. As providências quanto à necessidade de remoção são de responsabilidade da DPJP.

Ele pode trocar a árvore? Tem que comunicar? O que é preciso fazer?

Nenhum munícipe tem autorização para intervenção em árvores públicas. No caso de rachaduras, quedas ou obras, os pedidos devem ser protocolados na Prefeitura com a apresentação de documentos e fotos e serão submetidos à análise e vistoria.

E quais as árvores urbanas recomendadas para serem plantadas nas calçadas

Considerando que o ideal é que uma árvore adulta não tenha o porte de arbusto (os quais ficam com a copa baixa na altura do rosto e dos carros e estreitam a via e não produzem sombra), recomenda-se espécies com porte adequado para aquela determinada calçada ou via  (considerando ainda a presença de frutos, possível toxicidade, presença de redes aéreas e subterrâneas na calçada), preferencialmente nativas, procedente de bons viveiros que garantam exemplares fortes e bem plantados (canteiros amplos bem adubados) proporcionando, assim, uma arborização de qualidade por muitas décadas.

Saiba mais