Por Bruno Galiego 

Pedro Henrique Mathern, mais conhecido como The Ruasa, é mais um nome que desponta na cena Rap local. Em sua EP de estréia, “Evolução”, o rapper investe todas as suas rimas no ritmo contagiante do Trap. A obra conta com cinco canções gravadas no estúdio Novo Mundo e assinadas por EmiKá Beatz e Real Beat$.

The Ruasa iniciou suas atividades na música no ano de 2016, quando iniciou um projeto com alguns amigos de rima. Por causa da falta de recursos os parceiros desistiram da música, mas e o rapper seguiu sozinho.

“Acabei criando o projeto The Ruasa. Há um ano pensei nos preparativos do ‘Evolução’ e fui atrás de um beatmaker. Acabei encontrando o EmiKá e fizemos ‘Focado’, que foi o meu primeiro som e o primeiro Trap que o EmiKá produziu. Após alguns meses, entrei para o selo Novo Mundo e assim nasceu a EP, que mostra um pouco do que fiz nos últimos anos”, explica The Ruasa.

Em “Evolução”, o rapper utiliza uma lírica simples e direta para expor situações do vividas no dia a dia. “Quando falo das coisas que eu gosto, quero que o meu público também sinta o mesmo. Quero a mensagem anime as pessoas, que façam todos pularem. As composições da EP relatam  vivas minhas vivências, mas sempre dando aquela misturada com a ficção”, ressaltou.

Carregando influências que vão de Travis Scott e Russ até 2Pac e Sabotage, The Ruasa afirma que o trabalho foi duro, mas que o resultado foi satisfatório. “Para mesclar as minhas diferentes influências foram necessárias várias seções de estúdio para criar batidas, desenvolver letra e gravar as músicas para sair do jeito que queríamos”, revelou.

Ouça agora “Evolução”, EP de estréia de The Ruasa:

Foto de abertura: divulgação

Comentários não permitidos.