Author: Agência de Notícias

Paul McCartney e James Corden em Liverpool

Sensacional: Paul McCartney e James Corden em Liverpool

Pensa numa coisa sensacional, alto astral, surpreendente e de tocar o coração. E coisa boa, não esse mundaréu de notícias ruins que nos chegam todos os dias desse mudo desamumanizado em que vivemos. Paul McCartney e James Corden em Liverpool é isso: uma entrevista-show e uma incrível viagem pela memória da música.

Leia mais >>

Folha deixa de publicar conteúdo no Facebook. Que ótima ideia

Já faz muito tempo que não curto mais a Folha de S. Paulo. O jornal perdeu relevância e deixou de ser uma fonte obrigatória no jornalismo brasileiro. Segue a tendência (triste) de toda a outrora chamada grande imprensa que prefere defender interesses de uma (pequena) classe dominante do que fazer jornalismo de verdade.

Mas não deixa de ser interessante notar que o jornal decidiu deixar de compartilhar seu conteúdo na rede social mais influente e nefasta do planeta: o Facebook. A direção da Folha publicou em sua edição de hoje uma reportagem onde comunica a decisão em razão das mudanças do algoritmo do Facebook, que agora privilegia conteúdo dos amigos em detrimento das publicações de veículos de informação.

Leia mais >>

Bernie Sanders: é hora de nova rebeldia global

Eis onde estamos como planeta em 2018: depois de todas as guerras, revoluções e grandes encontros  internacionais nos últimos 100 anos, vivemos em um mundo onde um pequeno punhado de indivíduos incrivelmente ricos exercem níveis desproporcionais de controle sobre a vida econômica e política da comunidade global.

Difícil de compreender, o fato é que as seis pessoas mais ricas da Terra agora possuem mais riqueza do que a metade mais empobrecidada população mundial — 3,7 bilhões de pessoas. Além disso, o top 1% tem agora mais dinheiro do que os 99% de baixo. Enquanto os bilionários exibem sua opulência, quase uma em cada sete pessoas luta para sobreviver com menos de US$ 1,25 [algo como R$ 4] por dia e – horrivelmente – cerca de 29 mil crianças morrem diariamente de causas totalmente evitáveis, como diarreia, malária e pneumonia.

Leia mais >>

A elite capitalista age com a arrogância de quem não tem medo

O sociólogo português Boaventura de Sousa Santos afirmou que a ascensão da política neoliberal em todo o mundo hoje se dá pela ausência de uma alternativa real à esquerda, o que permite que as elites instituam livremente projetos de destruição de direitos e não enfrentem a devida resistência. “Eles se comportam com a arrogância de quem não sente medo”, afirmou.

Em evento realizado no domingo (12) no Teatro Oficina, em São Paulo, pelo Vamos! – plataforma de debates da Frente Povo Sem Medo –, o sociólogo português disse que só foi possível o crescimento econômico combinado com redução das desigualdades sociais entre o fim da Segunda Guerra Mundial e as crises do petróleo da década de 1970, no mundo ocidental, devido à existência da União Soviética, que era a representação real de outro modelo que imputava medo aos capitalistas.

Leia mais >>

Papa Francisco explica: Deus não exclui ninguém, no Reino há lugar para todos

“Deus não exclui ninguém e quer que cada um chegue a sua plenitude”: foi o que disse o Papa Francisco comentando na sua alocução que precedeu a oração mariana do Angelus neste domingo, na Praça São Pedro, a parábola do patrão que recompensa do mesmo modo, trabalhadores que trabalharam por tempos diversos.

“A recompensa – explicou – é a salvação eterna. Jesus não quer falar do problema do trabalho e do salário justo, mas do Reino de Deus! E a mensagem é essa: no Reino de Deus não há desempregados, todos são chamados a fazer a sua parte; e para todos, no final, haverá a recompensa que vem da justiça divina, não humana, para a nossa sorte, isto é a salvação que Jesus Cristo nos adquiriu com a sua morte e ressurreição”.

Leia mais >>

Author: Agência de Notícias

Paul McCartney e James Corden em Liverpool

Sensacional: Paul McCartney e James Corden em Liverpool

Pensa numa coisa sensacional, alto astral, surpreendente e de tocar o coração. E coisa boa, não esse mundaréu de notícias ruins que nos chegam todos os dias desse mudo desamumanizado em que vivemos. Paul McCartney e James Corden em Liverpool é isso: uma entrevista-show e uma incrível viagem pela memória da música.

Leia mais >>

Folha deixa de publicar conteúdo no Facebook. Que ótima ideia

Já faz muito tempo que não curto mais a Folha de S. Paulo. O jornal perdeu relevância e deixou de ser uma fonte obrigatória no jornalismo brasileiro. Segue a tendência (triste) de toda a outrora chamada grande imprensa que prefere defender interesses de uma (pequena) classe dominante do que fazer jornalismo de verdade.

Mas não deixa de ser interessante notar que o jornal decidiu deixar de compartilhar seu conteúdo na rede social mais influente e nefasta do planeta: o Facebook. A direção da Folha publicou em sua edição de hoje uma reportagem onde comunica a decisão em razão das mudanças do algoritmo do Facebook, que agora privilegia conteúdo dos amigos em detrimento das publicações de veículos de informação.

Leia mais >>

Bernie Sanders: é hora de nova rebeldia global

Eis onde estamos como planeta em 2018: depois de todas as guerras, revoluções e grandes encontros  internacionais nos últimos 100 anos, vivemos em um mundo onde um pequeno punhado de indivíduos incrivelmente ricos exercem níveis desproporcionais de controle sobre a vida econômica e política da comunidade global.

Difícil de compreender, o fato é que as seis pessoas mais ricas da Terra agora possuem mais riqueza do que a metade mais empobrecidada população mundial — 3,7 bilhões de pessoas. Além disso, o top 1% tem agora mais dinheiro do que os 99% de baixo. Enquanto os bilionários exibem sua opulência, quase uma em cada sete pessoas luta para sobreviver com menos de US$ 1,25 [algo como R$ 4] por dia e – horrivelmente – cerca de 29 mil crianças morrem diariamente de causas totalmente evitáveis, como diarreia, malária e pneumonia.

Leia mais >>

A elite capitalista age com a arrogância de quem não tem medo

O sociólogo português Boaventura de Sousa Santos afirmou que a ascensão da política neoliberal em todo o mundo hoje se dá pela ausência de uma alternativa real à esquerda, o que permite que as elites instituam livremente projetos de destruição de direitos e não enfrentem a devida resistência. “Eles se comportam com a arrogância de quem não sente medo”, afirmou.

Em evento realizado no domingo (12) no Teatro Oficina, em São Paulo, pelo Vamos! – plataforma de debates da Frente Povo Sem Medo –, o sociólogo português disse que só foi possível o crescimento econômico combinado com redução das desigualdades sociais entre o fim da Segunda Guerra Mundial e as crises do petróleo da década de 1970, no mundo ocidental, devido à existência da União Soviética, que era a representação real de outro modelo que imputava medo aos capitalistas.

Leia mais >>

Papa Francisco explica: Deus não exclui ninguém, no Reino há lugar para todos

“Deus não exclui ninguém e quer que cada um chegue a sua plenitude”: foi o que disse o Papa Francisco comentando na sua alocução que precedeu a oração mariana do Angelus neste domingo, na Praça São Pedro, a parábola do patrão que recompensa do mesmo modo, trabalhadores que trabalharam por tempos diversos.

“A recompensa – explicou – é a salvação eterna. Jesus não quer falar do problema do trabalho e do salário justo, mas do Reino de Deus! E a mensagem é essa: no Reino de Deus não há desempregados, todos são chamados a fazer a sua parte; e para todos, no final, haverá a recompensa que vem da justiça divina, não humana, para a nossa sorte, isto é a salvação que Jesus Cristo nos adquiriu com a sua morte e ressurreição”.

Leia mais >>
Fechar Menu